Visitas de Estudo

No âmbito do Programa Transversal, apoiado pela Agência Nacional PROALV, o pessoal do Centro Novas Oportunidades da Profisousa tem feito visitas de estudo a países Europeus. Estas são visitas de curta duração, entre 3 a 5 dias de trabalho, organizadas para um pequeno grupo de especialistas e decisores que representam vários grupos dos sectores da educação e da formação vocacional. Deste modo, pretende-se mobilizar stakeholders interessados em examinar um aspecto particular da aprendizagem ao longo da vida noutro Estado-Membro.

 

 As visitas de estudo têm por objectivo apoiar a definição de políticas e a cooperação a nível europeu no domínio da aprendizagem ao longo da vida, designadamente no contexto do Processo de Lisboa e de Copenhaga, do Programa de Trabalho “Educação e Formação 2020”, do Processo de Bolonha e os seus sucessores.

 


 

No mês de Junho de 2012, o director do Centro Novas Oportunidades, Paulo Dinis, participou numa visita de estudo à Itália (Palermo).

 

 

ITÁLIA - língua Inglesa:

Participante: José Paulo Ribeiro Dinis da Costa
Título: “Developing entrepreneurial culture: university-enterprise partnerships for innovation”
Tema: Allow Policy and decision makers in education and training to discuss issues related to fostering entrepreneurship and employability
Datas: 11/06/2012 até 14/06/2012

 

Aspectos mais importantes na Visita foram:

Esta visita possibilitou uma ampla compreensão sobre o actual momento sócio-económico da Europa. Esta conclusão advém, acima de tudo, da troca de experiências e impressões entre os participantes da visita obtida num contexto, a cidade de Palermo, a denotar uma evidente crise económica. Sob o pretexto desta crise, foi particularmente evidenciada a necessidade de superação do modelo de cooperação intra-europeia assente doravante numa Europa mais próxima dos cidadãos e enfocada nos valores e na cultura que constituem a matriz identitária do velho continente.  

Face a este quadro, resumo os aspectos mais importantes colhidos nesta visita: 

• A consciência, colectivamente assumida, que a Europa enfrenta um enorme desafio para a superação dos elevados e crescentes níveis de desemprego juvenil;
• A necessidade de reinventar algumas fórmulas para estímulo das iniciativas empreendedoras e para a criação de uma verdadeira cultura de risco na população desempregada;
• A experiência da Sicília no esforço orientado para a criação de plataformas e iniciativas facilitadoras do emprego no sector privado – pela criação e captação de novas empresas – e de auto emprego dos desempregados, com recurso à microiniciativa de base local.

 

 


 

No mês de Novembro de 2011, Jorge Oliveira, o colaborador do Centro de Novas Oportunidades, Jorge Oliveira, participou numa visita de estudo à Turquia (Istambul).

 

TURQUIA - English language:

Título: “Developing key competences through active citizenship and volunteering”
Tema: CIDADANIA ACTIVA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL.
Datas: 14/11/2011 até 18/11/2011


Aspectos merecedores de destaque na Visita foram:
 

1- A grande motivação para o envolvimento em trabalho voluntário de e caridade/solidariedade social em alguns dos países envolvidos na visita de estudo, nomeadamente Turquia, Portugal, Itália, Alemanha e Espanha.

2- Nos outros países participantes, nomeadamente França, Polónia, Reino Unido e Lituânia nota-se uma dificuldade em envolver pessoas em trabalho voluntário. No entanto, existe uma diferença no Reino Unido: em algumas comunidades, nomeadamente nas muçulmanas, o trabalho voluntário vai no sentido de ajudar pessoas socialmente desfavorecidas e minorias étnicas e, nestes casos, são as próprias “minorias” que se envolvem na promoção de atividades para a comunidade.

3- No país anfitrião, Turquia, existe um envolvimento muito maior de voluntários em projetos relacionados com a educação/formação. É banal o envolvimento de professores de música e de trabalhos artísticos, ou trabalhos manuais nas escolas, onde, voluntaria e graciosamente ensinam música típica e arte hebraica, contribuindo, assim, para a manutenção dessas heranças culturais.
 

 

Depois da visita…

 

Todos os participantes desta visita de estudo têm mantido o contacto, nomeadamente através da actualização de um blogue criado durante a visita pelos intervenientes (http://umbrellavolunteers.blogspot.com/), com notícias/eventos relacionados com o tema da visita de estudo.
Decorrente desses contactos, foi ainda feita uma candidatura financeira para uma PARCERIA DE APRENDIZAGEM GRUNDVIG, subordinada ao tema “Umbrella - Working out motivation strategies for the labour market and social work for women”, que tem como objectivo partilhar estratégias relacionadas com a Igualdade de Géneros e oportunidades, no mercado de trabalho e trabalho comunitário/social.

 


 

No mês de Outubro de 2011, o colaborador do Centro de Novas Oportunidades, Luís Azevedo, participou numa visita de estudo à Itália (Iglesias).

 

Itália – English Language:
Título:
Developing creativity in learning and teaching.
Tema: CREATIVE WAYS TO MOTIVATE AND INNOVATE IN EDUCATION.
Datas: 03/10/2011 até 07/10/2011


Aspectos mais importantes na Visita foram::

- Verificar o impacto e a importância que o CLIL (Content and Language Integrated Learning) merece nos mais diversos países, sendo no entanto utilizado de diferentes formas. Nos países onde se verifica uma forte implementação da língua inglesa desde há muito, revelam uma maior facilidade de integração de diferentes módulos nas diferentes línguas, sendo o professor da disciplina o responsável pelo momento. No entanto em países em que a língua estrangeira não está tão implementada, o CLIL é leccionado pelo professor de Inglês recorrendo apenas a conceitos teóricos e técnicos;

- A importância que as novas tecnologias representam em todos os países numa tentativa de aproximação aos conhecimentos científicos. De salientar que os países mais desenvolvidos apresentam mais meios tecnológicos à disposição dos alunos quando comparados com países de menor dimensão. No entanto existiu uma dualidade de opinião no uso das TIC em alguns tipos de áreas. Nas disciplinas de maior conteúdo prático observou-se que as novas tecnologias poderiam não ser benéficas para o momento formativo como é o caso na disciplina de música.
 


 

No mês de Maio de 2011, dois colaboradores do Centro Novas Oportunidades da Profisousa, Abel Souto e Nuno Coelho, participaram numa visita de estudo à Polonia (Bialystok) e a Itália (Turin), respectivamente.


Polónia - lingua Inglesa:
Título: The role of career guidance, information and training for the labour market.
Tema: Career guidance and information in public employment services in Poland.
Vocational training for the labour market.
Datas: 09/05/2011 até 12/05/2011

 

Aspectos merecedores de destaque na Visita foram:

1 – Os problemas relacionados com o desemprego são comuns a todos os países da Europa, ou seja, as baixas qualificações dos desempregados, a oferta cada vez mais escassa relativamente a novas oportunidades de emprego e a crise mundial, são factores que potenciam o aumento do desemprego em todos os países europeus que estavam representados na visita.

2 - Verificou-se também que todos os países representados têm programas de aprendizagem ao longo da vida, de forma a aumentarem a competitividade da sua população activa a nível europeu. A conclusão é que esta é uma estratégia da União Europeia de forma a aumentar a competitividade dos seus cidadãos e das suas empresas a nível global.

3- Todos os países têm as mesmas estratégias relativamente ao aconselhamento de carreiras e orientação vocacional, apesar de terem instrumentos diferentes para o fazerem, que no futuro deverão aproximar-se sem nunca perder as especificidades do publico-alvo (adaptados ao país, cultura, etc).


Um dos aspectos que dominaram grande parte da visita foi que todas estas estratégias/programas/iniciativas necessitam de adaptação à realidade que se verifica pois nunca existiu o volume de desemprego que se tem verificado em todos os países, incluindo o Reino Unido e Alemanha. O número de desempregados tem tido um aumento muito rápido e é necessário adaptar algumas das estratégias definidas anteriormente em todos os países.

 

 

Itália -  língua Francesa:
Título: Une approche de l’attractivité des mathématiques et des sciences naturelles.
Tema: Des compétences clés pour tous, y compris créativité, innovation et esprit d’entreprise.
Datas: 09/05/2011 até 13/05/2011

Aspectos mais importantes na Visita foram:

-  Coménius Régio – Criação de vários materiais pedagógicos de forma a incentivar os alunos a gostar da área de Ciências; Não utilizam um método expositivo, centrado na exposição de conhecimentos fundamentais à aprendizagem, mas aplicam um método mais prático/activo, ideal para a discussão e aprendizagem em grupo, de forma a promover a interação/ aprendizagem dos alunos;


- eTwinning - Permite aos alunos e professores, de vários países, comunicarem entre si, a partir de uma plataforma. Tem como objectivos melhorar e aumentar a mobilidade dos estudantes e dos profissionais ligados à educação em toda a UE; Optimizar e desenvolver parcerias entre escolas de diferentes Estados-Membros da UE, com a participação de pelo menos três milhões de alunos em actividades educativas conjuntas em 2010; e melhorar a aprendizagem de línguas, aumentando a atractividade da ciência, apoio ao empreendedorismo e criatividade reforço e da inovação;


- Application de concepts astronomiques – Criaram uma parceria entre o Museu, o Hospital e a Escola de forma a que as crianças hospitalizadas possam aprender e estar em permanente contacto com os conteúdos programáticos e os alunos das escolas.